Poesia de Primavera

Depois do inverno, morte figurada
A primavera, uma assunção de flores
A vida
 Renascida
E celebrada
Num festival de pétalas e cores.

Miguel Torga










Sem comentários: