Semana da leitura

 Grandes personalidades ao serviço da Paz e Humanidade

Os alunos do 5ªB, na disciplina de Religião Moral,  acompanhados pelo Prof. Francisco Farinha, apresentaram os seus trabalhos na BE/CRE, sobre várias personalidades ao serviço da Paz e Humanidade para outras turmas da escola.
Eis alguns exemplos:

Aristides de Sousa Mendes,um herói nacional do século XX.
Apresentação de Marta Pena

Aristides de Sousa Mendes (Carregal do Sal, Cabanas de Viriato, 19 de julho de 1885 — Lisboa, 3 de abril de 1954) foi um diplomata português. Cônsul de Portugal em Bordéus no ano da invasão da França pela Alemanha Nazi na Segunda Guerra Mundial, Sousa Mendes desafiou ordens expressas do seu ministro dos Negócios Estrangeiros, Antônio de Oliveira Salazar, (cargo ocupado em acumulação com a chefia do Governo) e concedeu 30 mil vistos de entrada em Portugal a refugiados de todas as nacionalidades que desejavam fugir da França em 1940.
Aristides Sousa Mendes salvou dezenas de milhares de pessoas do Holocausto. Chamado de "o Schindler português", Sousa Mendes também teve a sua lista e salvou a vida de milhares de pessoas, das quais cerca de 10 mil judeus.

Nelson Mandela apresentado pelo aluno José Rodrigues do 5ºB.

Nelson Rolihlahla Mandela (em Xhosa Mvezo, região de Transkei, 18 de julho de 1918), é um advogado, ex-líder rebelde e ex-presidente da África do Sul de 1994 a 1999, considerado como o mais importante líder da África Negra, ganhador do Prêmio Nobel da Paz de 1993, e Pai da Pátria da moderna nação sul-africana.
Até 2009 havia dedicado 67 anos de sua vida a serviço da humanidade - como advogado dos direitos humanos e prisioneiro de consciência, até tornar-se o primeiro presidente da África do Sul livre, razão pela qual em sua homenagem a ONU instituiu o Dia Internacional Nelson Mandela no dia de seu nascimento, como forma de valorizar em todo o mundo a luta pela liberdade, pela justiça e pela democracia


Madre Teresa de Calcutá, apresentada por Rosana Sousa do 5ºA.

Agnes Gonxha Bojaxhiu (Skopje, 26 de Agosto de 1910 — Calcutá, 5 de Setembro de 1997), conhecida mundialmente como Madre Teresa de Calcutá ou Beata Teresa de Calcutá, foi uma missionária católica albanesa, nascida na República da Macedônia e naturalizada indiana, beatificada pela Igreja Católica em 2003. Considerada, por alguns, a missionária do século XX, fundou a congregação "Missionárias da Caridade", tornando-se conhecida ainda em vida pelo cognome de "Santa das sarjetas".


Origem: Wikipédia  http://pt.wikipedia


Sem comentários: