Conto "Sara e o gigante"

 A Hora do conto, o "Conta lá!" veio à nossa biblioteca com a história "Sara e o gigante das histórias" de Laurence Bourguignon e Pascal Biet, contada por, Maria Assunção Constantino da Biblioteca Municipal de Vila Real de Santo António, aos mais pequeninos do pré-escolar.

Era uma vez um Gigante chamado Jerónimo, que vivia muito sozinho num castelo muito, muito longe de todos nós. Tinha apenas como companhia o seu gato. O seu passatempo era coleccionar uns pequenos objectos que tinham imagens muito pequeninas...
DSC_0014
Usando uma lupa, ele conseguia ver rabiscos indecifráveis e desenhos muito coloridos. Alguns eram agradáveis, como o Pai Natal, e outros até lhe punham os cabelos em pé, pois eram bruxas assustadoras cheias de verrugas!
Ele perguntava constantemente a si próprio se esses personagens existiam de facto fora do seu castelo, de onde nunca se aventurava a sair, pois as pessoas, sem ele perceber porquê tinham medo dele e fugiam a sete pés. Mas, um dia, finalmente decidiu partir e descobrir a verdade. Será que existia o Pai Natal e Bruxas Más?
Durante a noite, para não ser visto, foi até à cidade... Depois de muito procurar, o que foi o que ele viu? Uma pequena rapariga que tinhas imensos daqueles estranhos objectos coloridos guardados numa estante. De certeza que ela saberia a resposta
DSC_0016
O gigante Jerónimo levou delicadamente consigo a rapariguinha. Quando a Sara acordou apanhou um grande susto, mas depressa percebeu que o Jerónimo era simpático e que precisava da sua ajuda. A Sara disse-lhe que os estranhos objectos eram livros e contavam histórias muito divertidas, que apenas tinha de ler as letras e olhar para as imagens. A Sara contou-lhe muitas histórias e o Jerónimo ficava deliciado a ouvi-la...
DSC_0017
Mas como já era tarde e os pais da Sara iriam ficar preocupados, ela decidiu ensinar o Jerónimo a ler...

A história continua, claro, tem um final muito giro, mas não podemos contar tudo.

No fim da história, as crianças tornaram-se "pequenos gigantes" ao lerem os mini livros.

Sem comentários: